te amarei para todo sempre ..


meu luanjo

Minha fome é de brigadeiro ué

Vocês era casados há 2 anos, e ainda não tinha filhos. Você e Luan estavam deitado,Luan já estava quase dormindo.
Você: Mo
Luan: humm ~fala com a voz sonolenta~
Você: Mor,fala comigo
Luan: o q vc quer (seunome)? ~já fala meio irritado~
Você: To com fome, vai lá fazer um brigadeiro pra gente?
Luan se vira e olha pra você com uma cara de deboche e começa a rir
Você: do q vc ta rindo?
Luan: de você né nega, desde quando brigadeiro mata a fome? ~risos~
Você: minha fome é de brigadeiro ué ~risos~
Luan: ah mor, depois eu faço agora vou dormir ta!?
Você olha pro Luan faz carinha de bb e faz biquinho
Luan: vc sabe q eu não resisto quando vc faz essa carinha né!? Fica ai que eu vou lá em baixo fazer
Ele te dá um selinho e vai pra cozinha.
Depois de algum tempo ele vem com o brigadeiro e duas colheres
Você: q demora eim Luan? Meu Deus ~risos~
Luan: olha como minha muié é exigente rapaiz ~risos~
Você: é assim q tem q ser né meu amor ~risos~
Vocês se beijam. Depois de comerem o brigadeiro vocês dormem agarradinhos
Você e o Luan se conheceram em show em Florianópolis durante suas férias. Depois desse dia trocaram telefone e ficaram bem amigos. Vocês já ficaram algumas vezes mas continuavam super amigos.
SMS do Luan: abre a porta
SMS sua: pra que?
SMS do Luan: abreeeee
Você desceu as escadas e abriu a porta, quando viu ele estava lá
Luan: Mais que muié enrolada pra abrir uma porta ~diz rindo
Você: Dá próxima vez deixo você ai esperando por mais tempo ~diz puxando-o e dá um abraço apertado nele
Luan: Rapaiz do céu que saudade que eu tava do cê
Você: Muita muita, mas vem bora lá pra cima que a gente mata a saudade ~diz brincando
Luan: Opa, bora lá ~sorri maliciosamente
Você senta na cama e ele na cadeira do seu pc
Luan: Tá sozinha em casa?
Você: Luan, esqueceu? Eu moro sozinha homi ~ri
Luan: Ae ~ri~tinha esquecido.. acho que gostei disso ~te olha com cara de safado
Você: Nem vem me olhando desse jeito
Luan: Você disse que a gente ia matar as saudades ~se aproxima
Você: Eu tava brin..~ele te beija
Você não resistiu e deixou rolar. Ficaram se amando por horas e depois você deitou no peito dele e adormeceram.
Luan: Nega ~beija seu pescoço~acorda, é de manhã já
Você: Ah não, quero dormir
Luan: Bora (seuapelido) acorda
Você fingiu que não ouviu e se virou
Luan: Levanta muié ! ~diz te puxando da cama
Você: AAAAAAAAAAAAAH ME SOLTA LUAN! EU VOU CAIR AAAAAAAH!
Luan tava com você no colo e te soltou no chão
Luan: Acordou agora? ~disse rindo
Você: Idiota ~ri~acordei né? Desse jeito não dá pra dormir né.
Você olha pra janela e vê que ainda era de noite
Você: Você tinha dito que já era de manhã, que chato você é
Luan: Sou gatinho, e ocê me ama. Agora vai se arruma pra nois sair
Você: Ata, onde nós vamos?
Luan: Vai se arrumar que tu vai ver
Você vai pro banheiro, toma um banho meio demorado e faz sua higiene. Depois coloca uma blusa branca um pouco solta, uma saia de cintura alta e uma sapatilha.
Você: To pronta!
Luan: Finalmente ~ri~Tá linda! Bora
Vocês vão a um parque onde tinha sido reservado o dia pro Luan, e lá tinha uma cesta de piquenique com uma toalha xadrez embaixo.
Você: Adoro piquenique
Luan: Imaginei, bora lá
Vocês sentaram em cima da toalha e começaram a conversar enquanto comia
Luan: To apaixonado ~diz olhando pra baixo e depois te olha
Você: Quem é sortuda? ~diz triste, você era apaixonada por ele
Luan: Igual a você?
Você: Igual a mim? Mas tu me ama tanto que foi arruma alguém pra se apaixonar igual a eu ~dá uma risada
Luan ri
Luan: Sua besta, ela é você! ~pega na tua mão~ Eu me apaixonei por você tem um tempo, mas fiquei com medo de falar, você vivia dizendo que não se envolveria sério com cantor nenhum, que sempre seria amizade. E talvez você não me aceite, mas eu precisava dizer, eu não tava aguentando mais esse sentimento todo aqui dentro.
Você: Luan eu ..
Luan: Não, deixa eu falar. (Seunome) eu sei que é complicada essa minha vida, eu sei que pra namorar comigo tem que ter paciência, eu sei que algumas fãs minhas não vão aceitar nosso namoro mas muitas outras vão.
Você: Exatamente Luan, suas fãs! Elas te amam demais, matam e morrem por você! Luan, se alguma delas desconfiar que eu fiz você sofrer elas me batem, me matam! É muita responsabilidade
Luan: Eu sei meu amor, mas elas vão aprender a gostar de você.. ~vocês o interrompe
Você: Calado, não terminei ~sorri~ Mas apesar do medo, eu te amo, não, mais que isso: EU TE VIVO! E eu quero estar ao seu lado Luan Rafael!
Luan: Aceita namorar comigo? ~sorri
Você o beija, um beijo intenso.
Você: Claro que sim Luan! ~sorri
Luan: Te vivo muié ~a beija
Vocês terminaram o lanche e ao entardecer voltam pra casa pro Luan pegar as coisas dele que no outro dia ele já tinha show. Luan resolveu anunciar o namoro de vcoês numa twicam especial, e como previsto teve gente que não aceitou mais apoiou. O tempo passou e as luanetes passaram a te conhecer melhor e a gostar de você. E a cada dia vocês estavam cada vez mais felizes, e a certeza de que um foi feito pro outro só aumentava.

Piscina

Era verão, talvez o dia mais quente de todos, então o Luan combinou com a galera da sala de ir tomar banho de piscina na casa dele de tarde
Luan: Você vai né? ~sorri~
Você: Hã, pra sua casa?
Luan: É
Você: Acho que não Luan, vai ter muita gente lá, e eu vou morrer de vergonha
Luan: Vergonha do que muié? É tudo gente que você já conhece
Você: Não isso, vergonha de ficar de biquini na frente de todo mundo
Luan: ~ri~Deixa de bobagem muié, você é linda, não tem que ter vergonha de nada, então to te esperando lá as 15hrs, tá?
Ele vai embora, e depois de um tempo você vai pra sua casa. Por volta das 14hrs você recebe uma sms
SMS: To te esperando, vê ce não demora, bj
Era o Luan. Você tomou um banho se arrumou e foi.
Bruna: Que bom que você veio (seu nome)! ~te abraça~
Você: Seu irmão insistiu ~sorri~
Bruna: Imagino ~sorri~Vem, tá todo mundo lá nos fundos, vamos
Luan vê vocês e se aproxima. Ele te olha dos pés a cabeça.
Luan: Sabia que ocê vinha! ~te dá um beijo no rosto, você sorri~ Mas tira essa roupa e entra na piscina muié, já ta todo mundo se divertindo lá
Você: Já to indo. ~se vira pra Bruna~ Aonde é o banheiro?
Bruna: Segunda a direita
Você vai no banheiro, tira sua roupa e coloca uma tanga como se fosse saia, e vai pra piscina
Luan: Agora tá melhor! ~sorri~ Tira isso ai e bora na piscina
Você: Não, agora não, depois eu entro
Felipe: Entra logo (seu nome)!
Maria: Luan, puxa logo essa guria pra dentro da piscina
Luan te olha com uma cara muito de quem tá pensando em aprontar algo.
Você: Nem pense nisso!
Luan: Já pensei!
Nessa hora ela te pega no colo e pula com você na piscina.
Você: SEU VIADO! ~grita, colocando seu cabelo pra trás~
Luan: Do que você me chamou?
Você: V-I-A-DO!
Luan: Vou te mostra o viado!
Ele te puxa forte e te beija. Um beijo intenso, cheio de vontade, quente e um pouco desesperado
Todos: AEEE! Finalmente!
Bruna: Pensei que isso nunca ia acontecer! ~ri~
Vocês param o beijo e você olha pra baixo com vergonha
Luan: Eles tem razão, já tava demorando muito pra isso acontecer ~sorri, e delicadamente levanta seu rosto te obrigando a olhar pra ele~ Já tem tanto tempo que eu amo você, mas parece que você nunca percebeu.
Você: Eu também amo você ~sorri~
Vocês se beijam novamente
Luan: Aceita namorar comigo?
Você: Claro que aceito ~se beijam de novo~
Maria: Ai parem que já ta chata essa melação ~ri~
Luan: Cala boca Maria, deixa eu curti minha namorada ~ri, volta a te olhar~ Bora lá mais pra beirada
Vocês vão mais pro canto da piscina e continuam se beijando.
Você: Te vivo!
Luan: Te vivo mais, nega ~sorri, morde o labio~

Sempre te amei

Você era a melhor amiga do Luan, ele contava absolutamente tudo pra você. Mas ele era apaixonado por você,e vice-versa. Porém nenhum dos dois tinha coragem de falar, por que tinha medo que isso atrapalha-se a amizade do vocês. Num domingo de tarde o Luan te liga
~Inicio da ligação~
Luan: (seu apelido) vc ta ocupada?
Você: Não Lu, to livre ~risos~ pq?
Luan: Queria ir ai na sua casa assistir um filme ,pode ser ?
Você: Claro Lu,eu já vou preparar as coisas
Luan: daqui a pouco eu to ai, bejo
você: beijo
~fim da ligação~
Depois de um tempo Luan chega na sua casa. Ele toca a campainha
Luan: demorei? ~te abraça e te dá um beijo no resto~
Você: Claro q não ~sorri~ olha, eu já fiz o brigadeiro e a pipoca, ta ali em cima da mesinha
Luan: Dessa vez vc não deixou as coisas queimarem igual dá ultima vez né!? ~dá aquela risada gostosa~
Luan: Luan para de ser bobo, dá outra eu foi sem querer ta ~risos~ vamos ver o filme que é melhor
Luan senta no sofá e você deita com a cabeça no colo dele, ele fica fazendo cafuné na sua cabeça, começou a passar uma cena mt romantica no filme, (era de um homem que cantava uma musica super perfeita pra uma mulher e depois pedia ela em namoro).
Você: Lu ~olha pra ele~ acho que nunca isso vai acontecer comigo
Luan fica olhando nos seus olhos por alguns minutos pensando se aquele era o momento certo dele se declarar pra você.
Luan: ~seu apelido~ fica aqui rapidinho eu já venho ~ele levanta do sofá e começa a subir as escadas~
Voce: Luan onde vc vai?? ~grita, mais ele nem olha e continua a subir~
Depois de algum tempo Luan volta com o seu violão na mão,e senta do teu lado.
Você: Luan o que vc ta fazendo? Não to entendendo nada, pq vc pegou meu violão e ... ~antes de você terminas de falar o Luan coloca dois dedos sobre seus labios.
Luan: shiuu não fala nada só escuta
Luan começa a cantar
Pensando bem
Eu gosto mesmo de você
Pensando bem quero dizer
Que amo ter te conhecido
Nada melhor que eu deixar você saber
Pois é tão triste esconder um sentimento tão bonito
Hoje mesmo vou te procurar
Falar de mim
Sei que nem chegou a imaginar
Que eu pudesse te amar tanto assim
Sempre fui um grande amigo seu
Só que não sei mais se assim vai ser
Sempre te contei segredos meus
Estou apaixonado por você
Esse amor entrou no coração
Agora diz o que é que a gente faz
Pode dizer sim ou dizer não
Ser só seu amigo não dá mais.
Luan se inpirou na cena do filme e decidiu fazer essa surpresa pra você,quando o Luan terminou de cantar,você estava tão emocionada que nem conseguia falar direito
Luan: eu acho que essa musica mostra tudo o que eu sinto por você
Você: eu tb sempre te amei de um jeito diferente, mais não tinha coragem de falar ~abaixa a cabeça~
Luan pega no seu queixo e levanta sua cabeça,ele vai chegando mais perto de você,até que vocês se beijam, era um beijo calmo mais mt apaixonado...
Luan: vc quer namorar comigo? ~sorri~
Você: claro que sim meu amor ~abraça ele~ te vivo
Luan: ~te abraça mais forte~ te vivo mais minha nega
~fim~

Pegação no sofá

Você e o Luan namoravam uns 2 anos e meio e um vivia na casa do outro. Era sábado e ele foi dormir na sua casa. Era tarde da noite e vocês estavam deitados no sofá vendo filme.
Luan: Mo, bora fazer uma coisa melhor ~diz no seu ouvido, morde sua orelha e aperta sua coxa~
Você: Lu, meus pais estão ai
Luan: Eles tão dormindo mozão, vão nem ouvir ~se vira pra ficar de frente pra você e começa a te beija calientemente~
Você não resiste. Fica por cima do Luan e se livra logo da sua blusa, ele aperta seus seios e se levanta um pouco para beija-los, ele sobe os beijos por seu pescoço até alcançar sua boca. Você entrelaça seus dedos no cabelo dele puxando-o para mais perto. Ele se afasta um pouco e tira a blusa dele também. Você coloca sua mão por cima do LuanJr e fica massageando por cima da bermuda mesmo, enquanto o Luan aperta suas coxas. Vocês se aproximam mais um do outro, e você começa a rebolar lentamente. Luan começa a te dar chupões no teu pescoço, enquanto você arranha as costas dele.
Luan: Mo tira logo esse short ~Luan te joga pra trás e fica por cima de você e tu grita~Shhh nega! ~ele vai tirando seu short e depois tira o dele logo~
Antes de tirar a cueca ele fica se roçando em você, e vocês começam a soltar uns gemidos um pouco alto. Luan te beijava, apertava seus seios. Você colocou suas pernas por cima dele.
SeuPai: MAS QUE POCA VERGONHA É ESSA AQUI NA MINHA SALA?
Luan sai de cima de você na hora e vocês se sentam
Você: PAAI?
SeuPai: Bonito ein? ~diz tapando os olhos~ Você não tem quarto não (Seunome)?
Luan: Sogrão, é.. desculpa.. nois só tava...
SeuPai: Não precisa me dizer o que ceis tavam fazendo, eu sei muito bem
Você: Pai, eu ..
SeuPai: NÃO FALEM NADA! Apenas vão pro teu quarto (Seunome) e amanhã Seu Luan, nós vamos ter uma conversinha bem séria
Luan: Eita porra foi pro pau
Você: Luan! ~puxa ele~ Bora Luan, bora pro quarto
Vocês vão pro seu quarto mas aquilo quebrou o clima. Você ficam deitados na cama, um de frente pro outro.
Você: Que vergonha Lu
Luan: Nem me fale.. Pensei que teu pai ia bater em nois ~ri baixinho~
Você: Eu também. Estranhei a reação dele
Luan: Mô, bora dormir que amanhã a gente vai ter que enfrentar a fera
No dia seguinte...
Quando vocês saíram do quarto seus pais já estavam na mesa tomando café. Você estavam super sem graça.
SeuPai: Sentem ai ~aponta pros lugares vazios na mesa~
Vocês se sentam. Como seu pai não diz nada vocês começam a se servir, o Luan pega um copo de suco.
SeuPai: É o seguinte Luan: desonrou minha filha, agora vai ter que casar!
Você: PAI!
Luan engasga começa a tossir.
Você: Ai, socorro, Luan! ~levanta os braços do Luan e bate nas costas dele~
Logo ele se recupera
SeuPai: Nada de "PAI", desonrou? Agora vai ter que casar!
Luan: É.. Eu... ~tosse~ Eu caso uai
Você e sua mãe olham surpresa pro Luan
SeuPai: Casa mesmo?
Luan: Claro que caso, isso o senhor não precisa nem me obrigar ~tira do bolso uma caixinha preta~ ~vira pra você~ (Seunome) desde que a gente se conheceu eu percebi que você era diferente, que você não seria só mais uma na minha vida, e depois de um tempo de namoro eu tive certeza disso e eu planeja fazer algo mais romântico, mas seu pai me pegou de surpresa ~olha pro teu pai e depois volta a te olhar~ Você aceita se casar comigo?
Você segurando o choro
Você: Claro que eu aceito meu anjo! ~o beija.
Depois de uns meses arrumando os preparativos do casamento vocês se casam e uns 3 anos depois têm seu primeiro filho, o Breno.

Pedi as estrelas para que elas te guiassem até me encontrar

Separados por ciume, por burrice, mas ainda assim havia amor mesmo depois de tantos anos. Por generosidade do destino, talvez, vocês se reencontraram numa praça tarde da madrugada.
Você: Não esperava te encontrar aqui ~diz sentando ao lado do Luan que olhava as estrelas~
Luan: Também não. Mas eu confesso que era isso que eu estava pedindo as estrelas. Que elas te guiassem até me encontrar.
Você: ~olha pro céu~ Acho que elas te ouviram, e aqui estou. ~sorri e olha pro Luan, ele estava te olhando também~
Luan: Você pediu pra eu ir embora e desde então eu peço a elas pra te trazerem de volta pra mim. ~afaga seu rosto~
Você: Você não devia fazer tudo que o eu peço, ainda mais quando eu cometo a insanidade de pedir uma besteira dessas.
Luan: Só agora que você percebeu o quão insano foi esse pedido?
Você: Na verdade, percebi isso desde o momento em que eu terminei de dizer aquilo.
Luan: E porque não pediu pra eu voltar? Eu voltaria, já que, como você mesma disse eu faço tudo que você pede.
Você: Porque eu tava magoada, você também, achei que fosse melhor pra nós dois.
Luan: Se essa é a melhor maneira pra dizer que você foi orgulhosa e não quis dar o braço a torcer...
Você: Tá eu confesso, foi por orgulho também.
Luan: Eu também tive culpa, devia ter ido atrás do cê
Você: Mas o seu orgulho não deixou não é mesmo?
Luan: Não...
Você: E olha o que essa droga de orgulho fez com a gente ~vocês se encaram por um tempo~
Você: E se eu deixar meu orgulho de lado agora, faria alguma diferença? ~morde o lábio, esperançosa~
Luan: Toda ~sorri~
Você o agarra e o beija. Vocês se amam pelo resto da madrugada e adormecem. Ao amanhecer, vocês acordam com o sol batendo em suas faces.
Luan: É tão bom ver que nada foi um sonho, ver você nos meus braços ~sussurra no seu ouvido e te dá um selinho~
Você: No que depender de mim vai ser sempre assim.
Luan: Acho que a gente merece uma segunda chance. ~te encara~
Você: Isso é um pedido de namoro? ~sorri~
Luan: Não, a gente já namorou tempo demais. Isso é um pedido de casamento. Então, aceita se casar comigo?
Você fica sem reação, pisca duas vezes.
Você: Tá falando sério, Luan?
Luan: Nunca falei tão sério em toda minha vida.
Você: É claro que eu aceito!
Vocês se beijam e voltam a se amar.

Por um descuido

Você e o Luan se conheceram na setima série, e começaram a namorar quando estavam no segundo ano. Depois de um tempo vocês terminaram, por ciumes, por besteira.. Cada um seguiu seu caminho, você se formou em Direito, e o Luan se tornou um dos melhores cantores do país. Você estava feliz por saber que ele estava bem, que ele tinha conseguido realizar o sonho dele, mas triste por saber que ele não era mais seu. Mas depois de 10 anos o destino resolveu juntar o caminho de vocês novamente.
Você morava num condomio, e a um tempo a casa ao lado da sua estava sendo reformada só que você não fazia ideia de quem iria morar ali. Certo dia você estava saindo da garagem de sua casa e por um pequeno descuido na hora de dar ré você atropelou alguém. Você frea na hora.
XX: AÔ NÃO OLHA PRA TRÁS NA HORA DE DAR RÉ NÃO?
Você sai correndo do carro.
Você: FOI UM DESCUIDO! DESCULPA!
Ele te olha e você entra em choque.
Você: É.. Vem, me dá sua mão que eu te ajudo a levantar ~diz sem olhar muito pra ele~
Luan: Não, não precisa não. Vai que cê me derruba de novo ~diz brabo e se levanta~
Você: Grosso! Só quis ajudar!
Luan: DEPOIS DE QUASE ME MATAR ...~diz num tom irritante~
Você: Af Luan, achei que você era mais educado! Não foi assim que a Marizete te educou, se me lembro bem ~você se deu conta que já tava falando demais e se calou~
Luan vai te reconhecendo aos poucos, ele já tinha notado que você não era estranha, mas como ele abraça tanta gente todo dia pensou que você pudesse ser uma fã..Mas ele sabia que esse brilho nos olhos ele só tinha visto no olhar de uma pessoa.
Luan: Eu conheço você
Você: Tá afirmando ou perguntando?
Luan: E você não é uma estranha
Você: Há uns anos atrás eu responderia que não, mas agora acho que sou sim. Uma estranha que quase te atropelou. ~você se vira em direção a sua casa~
Luan corre atrás de você e pega no seu braço, mas não te vira. Vocês param.
Luan: É você ... ~quase um sussurro~ Minha (seuapelido)
Você: Era. Não sou mais, tem um bom tempo.
Luan te vira.
Luan: Sabe quanto tempo eu fiquei atrás de você? Quantas músicas eu escrevi pensando em você? Quantas noites perdidas só pensando em você, em quando ou como eu ia te encontrar? Tem noção do quanto eu sofri quando vi que te perdi?
Você se emociona, e o Luan limpa suas lágrimas.
Luan: Não chora. Caramba! Você tá linda! Quase não te reconheci, você mudou muito, mas tem duas coisas que não mudaram em você.
Você: O que?
Luan: O brilho dos seus olhos e seu jeito desastrada de ser ~sorri~
Você ri. Você o convida para entrar pra poder conversarem um pouco.
Você: Você parece bem feliz agora, conseguiu o que tanto lutou pra ter
Luan: Nem tudo, mas sou feliz demais
Você: E o que falta?
Luan: Um pedaço que foi arrancado de mim há 10 anos.
Você: Não diz isso...
Luan: Porque não?
Você: Porque isso me mata por dentro! Porque isso me faz lembrar do quanto eu fui idiota em ter deixado você partir, em ter feito você partir. Se bem que só de te olhar e ver que você já não é mas meu me mata. ~engole o choro~
Luan se aproxima de de você e coloca uma mecha do seu cabelo atrás da orelha e vocês se encaram.
Luan: Nós dois fomos idiotas! Mas quantos caras já não devem ter passado na sua vida e.. ~você o interrompe~
Você: E me fez ver que você é o unico e grande amor da minha vida. Porque nenhum cara me satisfez como você me satisfaz, nenhum cara me entendeu como você me entende, nenhum cara me beijou como você me beija, nenhum cara me deu tanto amor quanto você me dava, nenhum cara me tocou como você me toca, nenhuma cara me fazia sentir viva como você fez.. Nenhum cara era você, Luan!
Luan te encara com um sorriso surpreso e feliz por ter escutado tudo aquilo e sem que você pudesse dizer mais alguma coisa ele te beija.
O beijo é intenso, cheio de desejo, saudade e amor. O clima esquenta e vocês fazem amor durante horas e horas e terminaram no chão da sala, você se deita no peito no Luan.
Luan: E por um discuito tudo aconteceu...
Você: Sempre soube que esse meu jeito desastrado de ser me serviria algum dia ~sorri e o beija~
Luan: MINHA desastrada!
Você: Sua? ~sorri~
Luan: Se cê quiser...
Você: Só sua
E vocês voltam a fazer amor. Vocês continuam se encontrando, saindo, se amando e depois de um tempo o Luan te pede em namoro.

"…porque eu sou do Senhor, e com Ele, nada nessa vida é impossível." Que Jesus esteja conosco - Luan Santana

"…porque eu sou do Senhor, e com Ele, nada nessa vida é impossível." Que Jesus esteja conosco - Luan Santana


(Fonte: theloveluanrafael)

Primeiro Beijo

Numa manhã de quinta-feira chuvosa, lá pelas 7 horas da manhã alguém bate em sua porta.
Você: Luan? ~arrumando o robe~
Luan: Oi
Você: O que você tá fazendo aqui a essa hora? ~dá espaço pra ele entrar~
Luan: É, então... Desculpa o horário, mas eu vim aqui te convidar pra passar o fim de semana até depois do Natal na chácara com a gente
Você: E o convite não podia esperar até as 10 da manhã? ~ri~
Luan: É.. Não.
Você: Tudo bem, eu vou. Como meus pais estão viajando e eu não pretendia fazer nada no Natal... Então eu vou
Luan: Como você não tem nada melhor pra fazer você vai ~se finge de magoado~
Você: Olha, você não começa! Você sabe que tudo de melhor que tenho pra fazer sempre envolve você!
Luan ri e te abraça
Luan: Então arruma suas coisas que as 10 a gente tá indo!
Você: Mas o quê? Luan seu cretino! E é agora que você me avisa? Tenho tanta coisa pra ajeitar, seu gordo!
Luan fica rindo e você sobe correndo pra arrumar suas coisas.
Luan: As 9 e 45 eu passo aqui! ~grita e fecha a porta~
Você arruma suas malas, quando deu 9: 30hrs você vai tomar banho. Luan chega, a porta ainda estava aberta, entra na sua casa e vai até seu quarto.
Luan: SeuNome?
Você sai do banheiro com um robe mostrando um belo decote, tampando mais a area da virilha e cantarolando "As Lembranças Vão Na Mala".
Você: "...mas se mesmo assim quiser me deixar..." ~Luan interrompe~
Luan: "...as lembranças vão na mala pra te atormentar..." ~você toma um susto e ele ri~
Você: Menino! Que susto! A quanto tempo estava ai?
Luan fica reparando no seu decote e então responde.
Luan: Cheguei agora ~você percebe então fecha o robe, ele olha pra cima~ Era pro cê tá pronta
Você: Desculpa, perdi o horário
Luan fica ali te olhando
Luan: Então, vou deixar você se arrumar
Você: É só sair que eu me arrumo
Luan: Ah, claro ~e sai~
Você logo se arruma, então o Luan pega suas coisas, coloca no carro dele e vão pra casa dele.
-
Bruna: Ai finalmente! ~sai correndo do carro~ Ai que dor nas pernas!
Você: Nossa nem me fale! ~se estica~
Luan: É que cêis tão tudo gorda, dai fico apertado
Bruna: HA HA o mais gordo saiu agora ~ri~
Marizete: Meninos, me ajudem aqui!
Amarildo abre a mala do carro e já vai pegando as malas. Luan pega algumas e leva pros quartos.
Luan: Cê vai dormir comigo
Você: Uai, porque?
Luan: Porque todos os quartos já estão cheios.
Você: Cheios? Mas só tem a gente aqui
Luan: Na verdade minha família acabou de chegar ~aponta pra janela~ E todos já tem seus quartos pré-definidos
Você: Desde que você se comporte não me importo
Luan: Ai eu já não garanto ~sorrisinho safado~
Você: Tarado ~ri~
Você pega a mão dele e entra no quarto dele. Luan se joga na cama.
Luan: Como é bom deitar ~ri~
Você deita do lado dele
Você: Concordo ~se vira pra ele~ Ainda mais tendo você do lado
Luan sorri
Luan: Já eu não gosto
Você: Não? Nossa, valeu
Luan: Não, cê é muito gorda e ocupa a cama toda ~te empurra e você cai no chão~
Você: AI SEU VIADO! ~ri~
Luan: Vou te mostrar o viado! ~se arrasta na cama~
Você: Ai, vem me ajudar seu chato! Doeu tá?
Luan te puxa e você deita na cama de novo
Luan: Não doeu não, num senti nada ~ri~
Você: Luan, vai te catar! ~pula em cima dele~ Gordo! ~bagunça o cabelo dele~
Luan: AÔ MEU CABELO NÃO!
Você: GORDO! GORDO! GORDO! ~bagunça mais e depois segura o rosto dele~ Eu te amo, mais amo mais ainda você gordo de cabelo bagunçado
Luan: Cê sabe que cê tem sérios problemas né?
Você: Porra, eu digo que te amo e tu diz que eu sou doente? ~sai de cima~ To de mal, seu gordo!
Luan: Ôooh meu denguin vem cá vem! ~te puxa pra um abraço~ Também amo ocê
Você: Quem não ama né? ~ri~
Bruna: Meus.. ~vê vocês agarradinhos~ Hmmmmmm quanto amor! ~vocês olham pra ela~ O povo tá querendo ver vocês
Luan: Ih verdade, não falamos com ninguém ainda ~ri~
Você: Bora descer ~vocês descem junto com a Bruna~
Vocês descem e falam com todo mundo.
-
Era noite de Natal, as mulheres da casa (que eram muitas) ficaram responsável pela ceia e os rapazes pelo Churrasco. Todo mundo ajudou um pouco. Já havia anoitecido e todos se reuniram em uma mesa enorme.
Amanda: Nossa cara, que calor!
Camila: Agora ainda tá ventando
Bruna: Putz, nem fale, a piscina que nos salva
Você: Dá vontade de entrar agora também ~sorri~
Mariana: A gente podia entrar mais tarde
Bruna: Bem mais tarde mesmo ~ri~
Amanda: Ai gente, quero entrar agora ~ri~
Você: Também ~ri~
Você esquece as meninas e fica olhando o Luan fazendo churrasco e conversando com alguns tios, o Amarildo e o Matheus.
O olhar dele encontra com o seu e vocês sorriem. Luan pede pro Amarildo cuidar da carne pra ele e vem na sua direção.
Mariana: ...né SeuNome? SeuNome!
Você olha pra elas
Você: Hã? Oi? É, isso ai
Bruna: Hmmm ela tava ocupada demais olhando pro meu irmão ~todas riem~
Todas: HMMMMMMMMMMMMMMM
Você: Ai gente, para
Luan: Licença meninas, ~olha pra você~ vou roubar a SeuApelido um pouquinho
Bruna: Claro!
Mariana: Pode demorar!
Você revira os olhos, levanta e sai de mãos dadas com o Luan.
Luan sai da chácara e vocês ficam andando sem destino.
Você: E então, pra onde você tá me levando?
Luan: Não sei ~sorri~
Você: Uai ~ri~
Luan: Só queria ficar sozinho com você
Você abraça ele de lado e vocês ficam andando abraçados até avistarem uma árvore. Luan sentou na grama, se encostando no tronco da árvore e te puxou pra deitar no colo dele.
Luan: É tão bom a paz desse lugar ~fica fazendo cafuné em você~
Você: E como! É bom estar aqui, ter você do meu lado ~olha pra ele~ ter você fazendo cafuné em mim ~fecha os olhos e sorri~
Luan fica te encarando e você abre os olhos
Luan vai se abaixando aos poucos e quando seus lábios estão próximos você vira o rosto.
Luan: Que foi?
Você senta na grama e fica de costas pra ele
Você: Luan, eu nunca...
Luan: Nunca...?
Você suspira, conta até 3 mentalmente.
Você: Luan, eu nunca beijei alguém antes
Luan fica pasmo, de boca aberta.
Luan: Nunca beijou ninguém?
Você: Não.. ~se gira pra ele~
Luan ri
Você: Ai Luan para de ser idiota!
Luan: É que é tão anormal uma garota de 18 anos ainda ser bv! ~ri~
Você volta a ficar de costas pra ele
Você: Cê acha que eu sou como essas meninas de 12 anos que já sã até mães?
Luan: Não meu amor, claro que não! Eu sei o quanto você é especial!
Você vira pra ele
Você: Eu só acho que minha primeira vez, seja sexo ou beijo na boca, tem que ser alguém especial. Não quero qualquer um, entende?
Luan sorri
Luan: Entendo. É tão lindo você pensar assim, mas eu achei que... ~ri~ Caramba!
Você: Tá, parô. Cabô a graça tá?
Luan: Parei ~te puxa pra um abraço~ Queria ser esse cara especial ~sussurra~
Você sorri
Você: E eu acho que você é ~sussurra olhando pra ele~
Luan te encara com um sorriso de canto. Ele suspira, vai se aproximando de você aos poucos e te beija lentamente. Um beijo bem calmo, mas cheio de paixão. Vocês ficam se beijando por um bom tempo, até que param pra respirar.
Você olha pro pulso do Luan e repara nas horas.
Você: Caramba Luan! Olha a hora! ~sorri~ Acho melhor a gente ir!
Você ia se levantar mais o Luan te puxa.
Luan: A nem! Tá tão bom aqui ~te beija~
Você: Hmm ~dá um selinho~ Mas a gente tem que ir
Luan: Mais um beijo então
Você: Só mais um
Luan: Agora, só mais um, depois eu quero vários! ~você o beija~
Você: Pode deixar, vou te encher de beijos depois ~sorri~
Vocês levantam e voltam pra chácara agarradinhos.
Marizete: Finalmente vocês voltaram! Já estava preocupada meu filho. ~ela repara em vocês~ Se bem que, pela carinha de vocês e esse brilho nos olhos, vocês deviam estar muito bem ~sorri~
Luan: Bem demais ~sorri~ Agora vou lá ajudar o pai com a carne ~sai~
Marizete: Super apoio vocês dois juntos, viu? ~te abraça~
Você: Obrigada, Mari
Você vai até as meninas e elas te enchem de pergunta, mas você não revela nada, só fica trocando olhares com o Luan.
-
A maioria dos familiares já tinham ido deitar, a mesa já tinha sido tirada, a louça lavada.
Você ficou na beira na piscina, com os pés na água e o Luan sentou do seu lado.
Luan: Pensando no que?
Você: Em você ~vocês sorriem~
Luan: Em mim?
Você: Em nós...
Luan sorri e te dá um selinho.
Luan: Tava aqui pensando..
Você: Cê pensa? ~faz cara de admirada~
Luan: Besta! ~bagunça seu cabelo~ Estraga todo romantismo
Você: Ai foi mal, pode voltar o romantismo
Luan: Cê fica quieta então! ~te olha sério~ Eu quero ser o seu primeiro em mais uma coisa
Você suspira lentamente
Você: No que?
Luan: Quero ser seu primeiro namorado ~te encara~
Você sorri
Você: Você já é meu namorado
Luan: Já sou?
Você: Claro, eu sou sua fã. Sendo sua fã eu sou sua namorada, porque segundo... ~Luan coloca a mão na sua boca~
Luan: Cê fala demais ~ri~ Já entendi ~vocês riem~
Você: Idiotão. Eu te amo, e o que eu mais quero é ser sua namorada... Oficialmente agora ~ri~
Luan ri e te beija.
Luan: Então minha namorada oficial, vamos pro quarto, porque você disse que ia me encher de beijos e eu quero... ~você tampa a boca dele~
Você: Cê fala demais ~ri~ E agora eu quero te beijar ~tira a mão da boca dele~
Luan: Então beija uai, tá demorando demais já ~faz bico~
Você ri e o beija.
Você: Agora bora pro quarto que eu quero lhe usar ~sorri~ Só um pouquinho ~pisca~
Luan se levanta e te abraça por trás.
E durante toda noite vocês ficam se beijando e depois adormecem agarradinhos.
E após anos ele continuou sendo seu Primeiro em tudo.

(Fonte: eliteluansantana)


(Fonte: portelepatialr)

Longe Daqui

Numa sociedade cheia de discursos a favor de qualquer tipo de amor, na idade que for, era um tanto surpreendente ser julgada por namorar um cara 10 anos mais velho que você. Mas, talvez, não seja só pela diferença de idade e sim porque ele era nada menos que o Luan Santana!
Nina: Acho que você devia desistir dessa loucura
Você: Não é loucura! Eu o amo! Não vou desistir. -já estava se irritando com aquele papo-
Nina: Você tá ficando com um cara 10 anos mais velho que você e ainda acha que não é loucura? -debocha-
Você: Não, não acho. Tem vários casais como nós.
Nina: Mas ele é o Luan Santana, tá acostumado a pegar uma por noite. Acha mesmo que isso vai durar?
Você a olha com os olhos cheios de raiva.
Você: Cê é tão mal amada que se incomoda com a felicidade alheia e quer estragar a minha.
Ela se ofende.
Nina: Sou muito bem amada, obrigada. Só tô dizendo que isso não vai dar certo.
Você: Se você acha que dar pra um cara diferente toda noite é ser bem amada então sim, você é bem amada. E outra eu não pedi sua opinião sobre minha vida particular!
Nina: Tá me chamando de puta?
Você: Entenda como quiser!
Você dá as costas e a deixa sozinha.
Nina: POR CAUSA DAQUELE IDIOTA VOCÊ TÁ PERDENDO SEUS AMIGOS
Você: PERDENDO NÃO, ME LIVRANDO DE QUEM NÃO PRESTA!
Mas essa história não começa ai. Começa naquele 23 de junho de 2013, um ano antes...
Rober: É a sua vez -sorri pra você e abre a porta-
Você sorri de volta e tenta controlar sua vontade de entrar naquele camarim correndo e gritando.
Luan ao bater os olhos em você se encantou. Você foi se aproximando timidamente e assim que você estava a uns 3 passos dele, ele pegou sua mão e te puxou pra um abraço a perto. Você soltou um riso bobo.
Luan: Tudo bom, minha nega?
Você apenas assente. Morde o lábio e sorri olhando pra ele.
Você: Não to acreditando que é real
Luan: Então me abraça de novo pra eu te mostrar que é
Luan te puxa novamente pra um abraço. Vocês fecham os olhos, ambos inebriados com o cheiro um do outro e o calor de suas peles.
"Que mulher!", pensou Luan.
Luan: Agora cê acredita? -ao te largar do abraço, porem ainda pegando na sua mão-
Você: Se eu disser que não cê me abraça de novo? -ri-
Luan ri e te abraça de novo. Mas esse abraço foi diferente. Ele te pegou mais firme. Uma das mãos dele subiram da sua cintura até chegarem a seus cabelos sedosos e volumosos. Ele puxou devagar e te vocês se encaram.
Luan: E agora?
Seu lábio estava entre aberto, sua respiração falhada.
Você: Se eu disser que não... -ele te interrompe com um beijo-
Todos que estavam ali no camarim já estavam surpresos vendo toda aquela química que rolava entre vocês, mas aquele beijo deixou todos boquiabertos. Porem ninguém disse nada e vocês curtiram o beijo.
Luan te pressionava mais contra o corpo dele e aquilo já estava ficando quente. Luan parou, terminando com selinhos.
Você morde os lábios, vocês continuando se encarando ignorando a presença de qualquer um ali naquele camarim.
Rober: É.. -aparece do lado de vocês- Não quero incomodar, mas..
Vocês mal pareciam ouvir o que o Rober dizia.
Rober: Foda-se! Quando for tua vez eu te chamo. -dá as costas pra vocês- Vamo galera, o Luan tá bem ocupado -ri e sai-
Você: Acho que estamos sozinhos -ri baixinho ao olhar envolta-
Luan: Melhor ainda -sorri e te prende mais a ele-
Você: Cê costuma fazer isso com todas as fãs que entram aqui de vestido vermelho? -brinca-
Luan: Só com aquelas de beleza estonteante e que usam batom vermei -sorri-
Você: Acho que minha beleza foi afetada pelo meu batom borrado -ri-
Luan limpa os cantos da sua boca, onde estavam borrados de batom.
Luan: Continua linda
Vocês se encaram e ele te beija.
Luan: Cê tá me deixando doido muié!
Você: E olha que eu não fiz nada -sussurra no ouvido dele em tom de provocação-
Luan: Tô doido pra ver você fazer -sorri-
Alguém bate na porta, era o Rober.
Você: Acho que tá na hora de você brilhar no palco
Luan não tirava os olhos de você
Você: Luan?
Ele pisca duas vezes
Luan: Hmm -olha pro Rober e então pra você- Quero te ver depois do show
Você: E onde eu vou ficar?
Luan: Gruda no Testa -sorri e olha pro Rober- Cuida bem dela hein? Não quero nenhum marmanjo em cima -faz cara de bravo e você ri-
Você passou o show todo colada no Rober e toda hora o Luan olhava pra conferir se você continuava ali.
O show terminou e o Luan veio em sua direção.
Luan: Vou tomar um banho e volto -te dá um selinho e vai saindo quando você o puxa- Que foi?
Você: Posso ir junto?
Luan: Não me faça proposta indecente não muié que eu num resisto -morde o lábio-
Você ri
Você: Uai eu também to suada
Luan se aproxima pra cochichar no seu ouvido
Luan: No hotel cê toma banho... Se a gente tomar banho junto... -respira fundo e fecha os olhos- ... a gente não sai daqui tão cedo
Você: Tudo bem
Vocês vão pro camarim e o Luan vai tomar banho. Ele demora um pouco e depois vocês seguem pro hotel.
Você: Cê tá bem cheiroso hein? Agora eu que quero ficar cheirosa -sorri-
Você vai em direção ao banheiro e no meio do caminho você vai tirando sua roupa. Luan fica louco ao ver aquilo e te pega por trás.
Você: Não, não. Pode me soltar -sorri- Só depois do banho.
Luan: Ah sério?
Você: Muito sério! -você entra no banheiro e tranca a porta-
Você demora cerca de 20 minutos. Depois que se seca pega o roupão que estava ali, penteia os cabelos molhados e bate um pouco com as mãos pra ele ficar soltinho. Você suspira e sai.
Luan te esperava na cama, apenas de cueca. Ele te olhava. Você o encara enquanto tira o roupão bem lentamente até ele cair de vez no chão. Ele ia se aproximando lentamente de você.
Luan: Cê é maravilhosa -levanta seu queixo e te beija suavemente-
E assim dá inicio a noite longa de amor de vocês...
-
Luan: 16 ANOS? -se surpreende-
Você: Sim -já se arrependendo do que disse-
Luan: Tem mais alguma coisa pra me contar?
Você olha pra baixo. Luan pega seu queixo e te faz olhar pra ele.
Luan: Não vai me dizer que era virgem
Você: Se você não quiser eu não digo
Luan: Eu tava brincando SeuNome
Você: Não posso fazer nada se é verdade
Luan: Cê não me parecia ser virgem
Você dá de ombros
Luan: Cê noção da encrenca que me meti me envolvendo com você?
Você: Num só encrenca
Luan: 10 anos mais nova, menor de idade ainda, virgem... Cê é chave de cadeia -sorri e te beija-
Você: So não -sorri-
Luan: Depois de 3 meses juntos é agora que eu descubro
Você: Descobriu bem tarde mesmo -sorri-
-
Depois de sete meses que vocês estavam ficando o Luan decide te pedir em namoro a moda antiga. Pediu sua mão em namoro ao seus pais. Eles tinham uma certa aversão mas aceitaram.
Nas revistas, nos sites e em qualquer outra rede social só se falava nesse namoro. Muitos contra.
Bruna: Como se tivesse outros artistas que suas mulheres são anooos mais nova -pega uma revista da sua mão- Pare de se torturar com isso cunhadinha
Você: Eles são muito cruéis.. Não só eles, mas as fãs do Lu... -segura o choro- Todo mundo contra Bru.
Bruna: Que se ferrem todos! Vocês se amam e é isso que importa!
Vocês se abraçam.
Os dias se passaram e você não conseguia deixar de ler comentários maldosos sobre o relacionamento de vocês ou supostas traições do Luan. Nas traições você não acreditava, mas te magoava ver tudo aquilo.
A cada dia o Luan te sentia mais distante e se incomodava com aquilo. Até mesmo em reuniões em família você evitar ir ou então ficava mais com a Bruna.
Hoje teria um churrasco na casa dele e você evitava o Luan. No primeiro momento que te viu sozinha ele foi até você.
Luan: Tá com vergonha de mim, tá?
Você: Tá maluco? -e tenta sair mas ele te puxa pelo braço-
Luan: Ou tá com vergonha do que pensam de nós?
Muitos amigos e familiares que estavam ali passavam mais lentamente pra ver o que estava acontecendo entre vocês. Você olha em volta.
Você: Não é hora de falar sobre isso, Luan!
Luan: Finge que não tem ninguém aqui, fala o que você quiser, quero te ouvir!
Você fica encarando ele. As lagrimas já inundando seus olhos.
Luan seca a primeira lágrima que ousou cair.
Luan: Fala minha pequena
Você: Eu não tô sabendo lidar com essa situação Luan. Esses comentários maldosos diários estão acabando comigo!
Luan: Quem tem boca fala o que quer mas só a gente sabe que nada daquilo é verdade
Você: Eu sei, mas.. -Luan tampa sua boca-
Luan: Mas nada. Eu te amo e é isso que importa -te beija-
Você sorri
Você: Cê é o melhor, amor!
-
Tudo estava bem entre vocês. Você já não lia mais o que divulgavam nas redes e já não falavam tanto de vocês assim. Mas isso por enquanto...
Depois de 2 meses tiraram uma foto sua na praia em que aparecia sua barriga um pouco saliente. No outro dia o Luan foi fotografado saindo do show com uma mulher. Ai a imprensa caiu matando.
Comentários que você estava grávida de dois meses e que o Luan estava te traindo. A mulher da foto era a Bruna, mas poucos conheciam ela.
Após os rumores sobre você estar grávida você acabou vendo várias brincadeiras de mal gosto e comentários muito maldosos.
Assim que o Luan viu a notícia e o rumo que tudo aquilo tomou tentou te ligar várias vezes. Em vão. Ele ficou louco. No dia seguinte ele estaria de volta a São Paulo lá pelas 20hrs e foi direto pra sua casa.
Luan estava doido te procurando pela casa, até que te encontrou sentada, encolhida no banheiro.
Você estava com o celular na mão, aos prantos.
Luan: Ei amor! -corre pro seu lado e te abraça- O que aconteceu?
Você: Eles não param! -você deita o rosto no ombro do Luan e o entrega o celular-
Ele olha rápido e bloqueia seu celular.
Luan: Olha aqui pra mim -você se ajeita e olha pra ele-
Ele segura seu rosto, fazendo você olhar bem nos olhos dele.
Luan: Se prefere eu posso inventar um lugar diferente onde não há ninguém pra falar mal da vida da gente
Você sorri e o beija
Luan: Agora se preferir eu te levo pra gente se amar pra bem longe daqui
Você: Então me leva.. Pelo menos por hoje eu quero esquecer toda essa loucura...
Luan te beija novamente. Se levanta, pega sua mão e te puxa.
Luan: Então vem
Ele te leva pra um lugar longe de tudo, um lugar mágico e vocês se amam a noite toda.
luansmileperfect:

Te amo anjo 👼👀🙈😭😍💕 @luansantana #Luannoratinho (em SE PEGAR CREDITE 👊)

luansmileperfect:

Te amo anjo 👼👀🙈😭😍💕 @luansantana #Luannoratinho (em SE PEGAR CREDITE 👊)


(Fonte: eternometeorols)

“Além da beleza, sua voz faz com que qualquer um fique vidrado no gesticular das palavras que saem da sua linda boca. A música dele tem um brilho secreto, um sentimento de plenitude e felicidade. Você ouve, respira com calma e faz com que sua alma sinta cócegas, é um tipo de alegria que eu nunca vou conseguir descrever com perfeição.” — Para Dante #1anoDVDLuanSantana #ONossoTempoÉHoje

swt